Aplicativo exclusivo do Hospital Santa Marta detalha Jornada do Paciente em totem de autoatendimento

Atender as demandas dos pacientes de forma rápida, com qualidade e segurança é prioridade do Hospital Santa Marta. Para isso, a Instituição conta com uma das mais indispensáveis e importantes ferramentas da atualidade, a tecnologia. Se o paciente quer saber detalhes sobre o seu atendimento, como nomes completos dos profissionais com quem esteve, a sua medicação e dosagem, ou avaliar o serviço ao qual foi submetido, é simples: basta ele acessar o totem de autoatendimento, localizado no Pronto-Socorro, e navegar pelo aplicativo exclusivo do HSM.

O sistema adotado tem como referência a chamada 'Jornada do Paciente', termo utilizado para definir o conjunto de etapas do atendimento do paciente, do início ao fim de sua estada no Hospital, além do pós-consulta para avaliar os processos aos quais ele foi submetido. O recurso está disponível para o fluxo de atendimento no Pronto-Socorro e, em breve, vai contemplar todas as unidades da Instituição. Além disso, se quiserem saber mais sobre o aplicativo HSM da Jornada do Paciente, basta escanearem com a câmera do celular o QR Code no terminal.

Para consultarem as informações sobre suas etapas de atendimento, é necessário que os pacientes insiram as senhas individuais geradas a partir da escolha pelo serviço desejado, na recepção da Instituição. E para garantir a autenticação do sistema e prosseguir com a navegação, são feitas perguntas de segurança que devem ser respondidas corretamente.

De acordo com os profissionais responsáveis pela ferramenta, essa forma mais direta do paciente consultar os próprios dados, por meio de totem de autoatendimento e aplicativo exclusivos da Instituição, é uma tendência moderna em várias áreas para otimizar e agilizar o feedback de informações. 

Ainda segundo os profissionais de Tecnologia da Informação do HSM, outra grande vantagem dessa iniciativa é o paciente não precisar baixar um aplicativo em seu celular, que pode ocupar boa parte da memória do aparelho, para acessar os dados desejados. É só recorrer ao totem e iniciar a navegação. A avaliação de atendimentos e serviços do Hospital também ocorre de forma mais precisa, proporcionando à Instituição elaborar uma estratégia direta para dar a melhor solução a um problema que tenha sido identificado pelo paciente.

Você sabia?

Estudo da Fundação Getúlio Vargas revelou que o Brasil superou a marca de um smartphone por habitante, em 2018. Já pesquisa elaborada pelo site Mobile Time e a empresa Opinion Box apontou que, das 1763 pessoas entrevistadas, 96% afirmaram já terem baixado um aplicativo mobile. Na lista de favoritos dos brasileiros estão: WhatsApp, Facebook, Instagram, Google, Google Chrome, Uber, Youtube e Banco do Brasil.